19 maio 2015

Viajar: Vale a pena investir?



Oi bonitinhos! Que saudades de vocês, viu? Mas pulando a parte daqueles posts chatos de que eu faço um texto dizendo que "voltei pro blog", vamos ao que interessa de uma vez. Quem vos fala já viajou, no máximo, pra três estados. Estados brasileiros. Mas a vontade que eu tenho de ser missionária me motiva a querer tocar cada cantinho do mundo.

Segundo o psicólogo Thomas Gilovich, viajar deixa as pessoas mais felizes do que bens materiais. Até por que, se você parar pra pensar, é difícil achar alguém que não goste de viajar. No máximo alguém com preguiça de ir, mas gostar aposto que gosta! 

1. É mais difícil comparar viagens do que coisas. Você fica feliz quando compra um carro, mas a felicidade pode passar assim que você vê que o seu vizinho comprou um melhor. Já em uma viagem, sua experiência é tão única, individual. E mesmo que o seu vizinho tenha passado as férias na Europa e você no litoral paulista, não significa que ele estava realmente feliz e se divertindo tanto quanto você na praia. Não há parâmetros comparativos.
2. Viajar nos aproxima mais das pessoas. É só lembrar das viagens que já fizemos com nossa família, com uma amiga e até aquelas que se faz sozinho(a). Esse tipo de experiência tende a aproximar e conectar pessoas, enquanto comprar coisas faz exatamente o contrário. Até porque, quando se compra algo você logo quer mostrar para alguém.
3. Bens materiais enjoam e viajar é uma experiência que fica para sempre. Lembra do carro que você comprou no fim do ano? Já enjoou e quer trocar por um novo, né? Mas aquela viagem que você fez nunca será esquecida ou trocada.
4. Contar sobre uma viagem é melhor do que contar sobre a roupa nova que comprou.
Daqui a cinco anos, você contará sobre a sua viagem com a mesma empolgação e felicidade de sempre. Experiências que você adquire nas viagens o definem muito mais do que aquele lembrancinha que você comprou. Concluindo, todas essas experiências juntas formam a sua identidade. É como se, durante e depois de uma viagem, você sempre tivesse chance de recomeçar. E recomeçar sendo mais feliz!

Só que nós, frutos de uma sociedade capitalista, temos uma questão básica e fundamental: DILMINHAS! Quem dera eu fosse rica e pudesse viajar around the world... Mas eu tenho uma notícia boa, amigos. Dá sim pra viajar sem/com pouco dinheiro!

1) Mochilão
É simples e é baita legal! Você coloca uma mochila nas costas (com o básico de sobrevivência) e levanta o dedão pra pedir carona. Antes de tudo saiba que o planejamento é fundamental. Quem opta por esse tipo de viagem, é quem quer conhecer vários lugares por menos possível. É claro que existem instruções que vão fazer seu mochilão ser inesquecível, você pode ler mais aqui



2) Couchsurfing
No português é "surfar no sofá". Significa basicamente que você vai se hospedar na casa de residentes. Existe um site (http://www.couchsurfing.org/) em que você cria um perfil e vai buscando acomodações... Mas às vezes, por obra do bondoso Deus, vai que você acaba pegando carona com alguém muito legal e essa pessoa te oferece um sofázinho? As possibilidades são infinitas :)



3) Missão e voluntariado
Provavelmente a forma de viajar mais barata que existe. Você paga, no máximo, o custo com a saúde. Na maioria dos casos você precisa ser maior de 18 anos e tudo mais. O voluntariado é mundial, e você pode conhecer mais clicando aqui: http://www.aiesec.org.br/. A questão missionária é mais ligada à religiosidade, então basta você procurar no site da sua igreja se eles possuem ou não campo missionário. Lembrando que essa modalidade de viagem vem com um propósito, e não é conhecer lugares e idiomas :) Essas são as consequências.



4) Trabalho por hospedagem e comida
Você só precisa estar disposto a trabalhar! No site http://www.helpx.net/, você pode encontrar locais do mundo inteiro que aceitam essa prática. Quem for mais disposta a ajudar, com toda certeza terá mais regalias. Segundo o site da Uol, são necessárias - no mínimo - quatro horas de trabalho para receber esses benefícios. Vai dizer que não vale a pena?!



5) Trabalhos temporários
Vários lugares do mundo querem ajuda, mas nem todo mundo quer ajudar. É por isso que os trabalhos temporários estão aí :) Com o que você ganha, você se sustenta! Por exemplo, a L'Oréal está buscando estudantes brasileiros para estagiarem em Paris (clique para saber mais).



E aí, qual seu próximo destino?  

Comente com o Facebook:

18 comentários ♥

  1. Viajar sempre é um investimento na felicidade, sendo mochilão, trabalho voluntário, tuuuudo vale a pena! :D
    Beijo, Min - http://www.yasminbueno.com/

    ResponderExcluir
  2. Post de utilidade pública, Carol, arrasou. Eu amo viajar, e uma coisa que aprendi com meu pai é que com viagem e comida a gente não economiza hahaha Voltei de um mini intercâmbio agora em fevereiro e já estou procurando uma oportunidade para fazer outra viagem semelhando o mais rápido possível, por isso seu post foi de grande ajuda.
    Beijo

    www.blogrefugio.com

    ResponderExcluir
  3. Que post mais lindo Carol! Saudadeees ♥

    ResponderExcluir
  4. Que maravilha de post, dá até vontade de fazer o mochilão e sair por ai pedindo carona! haha
    Amei!

    www.modernaamodaantiga.com.br

    ResponderExcluir
  5. Gente, adorei esse post, super informativo.
    Tem coisas aí que eu nem sabia que existia. *o*
    Um beijão e até mais.

    www.queridaga.com

    ResponderExcluir
  6. Não sou a pessoa que mais viaja no mundo, por falta de tempo e dinheiro acabo sempre deixando para lá, mas pensa em uma coisa boa? Realmente não tem nem comparação.
    Blog da Joanna

    ResponderExcluir
  7. Viajar é mesmo um baita investimento! Estava aqui, escrevendo o comentário e meu host dad veio conversar comigo: estou nos Estados Unidos, em um intercâmbio de um ano e não pude aproveitar mais a leitura desse seu post. Viajar é uma paixão e eu amei as "alternativas" que você deu.
    Seu blog é um amor, moça; por favor, não desiste dele não.

    Beijos,
    Bi.

    - www.naogostodeunicornios.com

    ResponderExcluir
  8. 1. É mais difícil comparar viagens do que coisas. - achei muito válido esse argumento, nunca tinha pensado nisso! E realmente, é muito melhor investir em uma viagem do que em qualquer bem material. :)

    ResponderExcluir
  9. Oie Carol ^^
    Eu concordo que viajar é realmente uma aventura sem igual, mesmo tendo ido apenas para umas três cidades talvez. É algo muito único, e até mesmo ir para um sítio, como fui em um encontro da igreja que durou 2 dias, é diferente e até transformador!
    Também admiro sua coragem para querer ser missionária, porque eu não tenho nenhuma...fazer o quê, né? hihi
    Beijos,

    http://clubeleitorassumidas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  10. Faz taaaaanto tempo que não viajo :( Eu amo viajar, e é bem o que você disse, a gente ganha experiências novas durante as viagens, repensa a nossa vida, o que temos e o que realmente importa, ou seja, os momentos bons e não as coisas materiais!

    Amei o post <3 foi um baita de um incentivo pra eu já pensar em uma futura viagem!
    Beijos <3

    ResponderExcluir
  11. Poxa, adorei o post! E acho que se encaixou bastante no meu ponto de vista...Minha mãe tá braba até hoje porque economizei todo meu salário e ao invés de gastar em um intercâmbio (que veja bem, é uma viagem!), peguei tudo e fui para Disney HIASUDHAUI Na época eu fiquei bem indecisa porque é muito dinheiro, e ainda por cima é algo que não seria "útil" profissionalmente, mas não me arrependo. Foi a melhor viagem da minha vida e foram dias inesquecíveis <3

    Beijos, Vickawaii
    http://finding-neverland.zip.net

    ResponderExcluir
  12. Olha, adorei o seu post. Realmente, viajar requer investimento, mas essas dicas foi muito boas. Dessas eu queria participar de Missões e também de trabalhos temporários.

    Obrigado,
    Isaac Zedecc - www.isaaczedecc.blogspot.com

    ResponderExcluir
  13. Concordo com o que você disse no post! Viajar requer investimento, e também devemos nos preparar, devemos ver todos os lugares, como vamos, dinheiro, e os imprevistos, pois mesmo sendo uma viagem a passeio, deve ser levada a sério para dar certo!

    http://senhoritamaribella.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Amiga eu sou uma pessoa que quando era criança adorava viajar com os meus pais pra cima e pra baixo, mas hoje em dia eu acabei ficando caseira, mas estou precisando voltar a sair de novo, mas fiquei feliz da vida de saber pelos meus pais que talvez ano que vem iremos pela terceira vez pra DISNEY !!!! YEAH !!!! Pois é, mas tipo, não dá pra ir nesses lugares sem querer gastar, impossivel, pois tudo que vemos lá fora não tem aqui e muitas das coisas é irresistivel. Quanto aos lugares daqui do Brasil mesmo, eu só fui no Rio Grande do Sul e Santa Catarina que gostei bastante, mas já faz tempo que não vou mais em outros lugares. Gostei bastante da sua postagem. Mas quando vamos para os Estados Unidos tem toda uma programação, porque vamos em turma. Ai tem que saber os parques, que horas que vai nos OUTLET enfim...é gostoso, mas ao mesmo tempo cansativo também.

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2015/06/resenha-neve-na-primavera_3.html

    ResponderExcluir
  15. Olá, tudo bem??

    Adorei o post Carol! Estava pensando exatamente nisso esses dias... Uma viagem nos proporciona muito mais benefícios do que uma roupa nova e um celular melhor... Anda sumida hein menina? Indiquei uma tag pra você lá no meu blog!!

    XOXO
    http://umnovo-roteiro.blogspot.com.br/2015/06/tag-liebster-award-2015.html?m=1

    ResponderExcluir
  16. Amiga quando puder venha conferir minha nova postagem
    tá sumida em?

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2015/06/caixinha-de-correio-parte-2.html

    ResponderExcluir
  17. Deu até vontade de viajar depois dessa postagem :D
    Beijos http://umdiaqq.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar!